ISBN 9789899139008
Pages 112
Dimensions 178 x 127mm
Published 2022
Publisher Editora Trinta Zero Nove, Moçambique
Format Paperback

Povo alegremente nu

Colectânea de Contos Traduzidos pelos vencedores

by Kateryna Babkina

Neste quinto volume da Colectânea de Contos Traduzidos pelos vencedores do Concurso de Tradução Literária, apresentamos o segundo livro de contos da mul- tifacetada escritora Ucraniana Kateryna Babkina. Pela mão de Babkina somos apresentados a um fotojornalista de guerra Americano que com a sua lente trata a dor profundamente pessoal com uma curiosidade profundamente consumista; conhecemos uma mulher de botas baratas de saltos cujo pai preferia que andasse de sapatilhas, como um sinal de força e irreverência. As de Kostia, Natasha, Sasha e Roma, são estórias na primeira voz sobre a guerra e os seus efeitos sobre as relações familiares e entre um povo.

Povo alegremente nu traz-nos pois um ciclo de estórias com um tema comum, girando em torno da alegria ou, para ser mais preciso, sobre o que nos acontece antes dela. São estórias sobre a geração de ucranianos que cresceram e se fortalece- ram o melhor que conseguiram, sobre como estas pessoas vivem - e sobre guerra, amor, emigração e, Hanói e, Nova Iorque e, os mortos e, os vivos e, os cegos e, os desmiolados. E o principal, são estórias sobre como ser alegre no meio de tudo isto. Os contos de Babkina foram traduzidos do Ucraniano para as línguas inglesa por Hanna Leliv e para as línguas francesa, changana, macua, portuguesa e xitswa pelos vencedores do concurso.

Lançado em 2015, o concurso e a publicação na génese da Editora Trinta Zero Nove venceram em 2021 o Prémio Excelência da Feira do Livro de Londres para Iniciativas Internacionais de Tradução Literária.

Book Preview
Paperback
£13.00

About the Author

Kateryna Babkina

Kateryna Babkina é uma jovem e popular poeta, contista, romancista, dramaturga e argumentista. Nasceu em Ivano-Frankivsk, Ucrânia, em 1985. Frequentou o curso de jornalismo na Universidade Nacional Taras Shevchenko de Kiev e formou-se em 2007, continuando a trabalhar como jornalista fre- elancer.É autora de três antologias poéticas, um ro- mance, duas colectâneas de contos e dois livros para crianças. As suas histórias, ensaios e letras foram traduzidas em 10 línguas e publicadas (como Kateryna Babkina ou Katya Babkina) no Esquire, Le Monde, Harpers Bazaar, The Canyon Review, a revista alemã-polaca Radar e em muitas antologias, revistas e resenhas na Ucrânia, Polónia, Roménia e Alemanha.Kateryna Babkina foi a primeira autora ucra- niana com leituras na Biblioteca do Congres- so, nos EUA.O seu livro My Grandfather Dances the Best mereceu-lhe o prémio Angelus em 2021.As suas estórias foram encenadas em Kiev, Viena e Genebra.